Renault exibe conceito Frendzy

Futuro sucessor do Kangoo tem linhas futurísticas e motor elétrico de 60 cv de potência

Conceito Renault Frendzy

Após o surgimento de um teaser sobre um novo carro elétrico, a Renault apresentou nesta quinta-feira (07) o conceito Frendzy. A minivan poderá ser o sucessor do Renault Kangoo, modelo vendido no Brasil desde 2000 (apenas carros exclusivos para transporte de carga são vendidos atualmente). O carro será mostrado ao público pela primeira vez no 64º Salão de Frankfurt, em setembro na Alemanha, com linhas modernas desenhadas pelo vice presidente de design da Renault, Laurens Van Den Acker.

Segundo a marca, o Frendzy é um carro voltado tanto para o trabalho, como para a família. As portas têm abertura do tipo “suicida” no lado do motorista; no lado do passageiro existe uma porta de correr com uma tela de 37”, que pode ser usada como um banner. Entre as portas não há coluna central, o que aumenta mais a sensação de espaço.

Conceito painel Renault Frendzy

No interior do carro há uma cadeira de praia para os finais de semana em família, além de telas acopladas aos encostos de cabeça dos bancos dianteiros. Segundo a Renault, essa versatilidade é proveniente das heranças deixadas pelo Kangoo, que conseguia desempenhar o papel de um veículo usado para as atividades familiares e, ao mesmo tempo, era um carro de serviços.

O Frendzy tem um motor movido por uma bateria de íon-lítio de 44 kW, capaz de produzir 60 cv e 23 mkgf de torque. Com este conjunto, a Renault afirma que o modelo tem velocidade máxima de 130 km/h e uma taxa zero de emissão de CO2. O carro mede 4 m de comprimento, 1,8 m de largura, 1,7 m de altura e tem 2,6 m de entre-eixos, tem volume de 2.250 litros e pesa 1.420 kg.

Fonte: Carro Online – Jornalista: Ícaro Bedani

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *