Nissan Leaf, carro elétrico mais vendido do mundo, recarregará baterias sem precisar de cabos

Muitos estavam aguardando uma queda dos preços do Nissan Leaf assim que as vendas do inovador carro elétrico começassem a crescer. Segundo o Green Auto Blog, não apenas o preço do veículo vai cair, como um novo modelo já está sendo preparado, e terá muitas novidades interessantes.

Detalhe do recarregador sem fios do novo Nissan Leaf (Dvice)

O Nissan Leaf, carro elétrico mais vendido do mundo, terá o preço revisado para baixo – hoje ele custa cerca de 35 mil dólares, devendo chegar perto dos trinta com o desconto. Além de ficar mais barato, oferecerá mais opcionais e recursos. Mas a principal novidade, segundo o site britânico Auto Express, é que o novo modelo do veículo poderá ser recarregado a partir de uma estação de carga que não usa cabos: o motorista precisa apenas estacionar o carro sobre o carregador.

O sistema também pode ser usado de forma inversa: a bateria do carro pode ser recarregada nos horários em que a eletricidade é mais barata e usada para alimentar uma residência nos momentos em que a eletricidade é mais cara – no Japão existe essa diferenciação de consumo. Segundo a Nissan, uma residência japonesa típica consome de 10 a 12 kWh por dia. A capacidade das baterias do Leaf é de 24 kWh – mais que suficiente.

O futuro Nissan Leaf, com o carregador sem fio, deverá estar disponível para vendas em 2014. O sistema de alimentação de residências pela bateria do carro deve estar no mercado já em 2012 e funcionará também com as versões anteriores do Leaf.

Um vídeo mostrando mais detalhes sobre como o futuro carregador sem fio funcionará no Leaf pode ser assistido pelo atalho http://goo.gl/YLLe2. A Nissan espera trabalhar com a Toyota para criar um padrão para esses recarregadores, diluindo entre muitas empresas os custos de pesquisa e abrindo o mercado para mais concorrência, o que aceleraria a adoção dos carros elétricos e a aposentadoria dos motores a combustão.

Por: Guilherme Abati
Fonte: Geek

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *