Novo Classe B elétrico terá tecnologia da Tesla

Minivan verde da Mercedes-Benz será vendida em 2014, com propulsor movido a células de hidrogênio

De acordo com revistas da Alemanha, o novo Mercedes-Benz Classe B
elétrico terá motor e o sistema de baterias desenvolvido pela Tesla,
especialista em carros “verdes”. Com a parceria, a montadora conseguirá
colocar em prática o projeto de ter uma minivan totalmente movida a
eletricidade.

Quando o modelo foi mostrado oficialmente, durante o
Salão Internacional de Frankfurt do ano passado, a ideia era ter apenas
uma versão híbrida (movida por dois motores: um a combustão e outro
elétrico). Sendo assim, o novo Classe B terá um propulsor movido por
células de hidrogênio capaz de alcançar uma autonomia de até 600 km. A
previsão é que esse Mercedez-benz com apelos sustentáveis chegue ao
mercado Europeu em 2014. Ainda não há um preço estimado.

Novo Classe B no Brasil
Segundo informações
publicadas pelo Carsale, durante a cobertura do Salão de Frankfurt, o
novo Mercedes-Benz Classe B chegará ao nosso mercado no segundo semestre. Ainda não se sabe qual versão será vendida por aqui, mas na Europa a minivan alemã é oferecida em três versões.

A
B250, é a mais potente em sete anos de história do modelo. Ela oferece
motor 2.0 turbo de 211 cavalos de potência e pode acelerar de 0 a 100
km/h em apenas 6,8 segundos, atingindo os 240 km/h de velocidade máxima,
conforme a fabricante. Para ajudar no desempenho, o carro conta com
câmbio sequencial de sete marchas e dupla embreagem.

Em relação
às demais versões (B180 e B200, a gasolina ou a diesel) o novo Classe
B250 tem rodas com desenho esportivo montadas em pneus de perfil baixo,
menor distância livre do solo, aberturas de ar dianteiras com grade do
tipo “colmeia”, entre outros itens. Por dentro, o volante de três raios
multifuncional é o mesmo do Classe C Coupé, os pedais são de alumínio e
os bancos revestidos de couro têm largos apoios laterais.

Fonte: Carsale

Um comentário em “Novo Classe B elétrico terá tecnologia da Tesla

  • 11/07/2012 em 21:00
    Permalink

    Parece que os carros do futuro serão tudo dependentes de internet assim como nos somos também! ótimo post!

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *