Primeiro caminhão elétrico do Brasil é apresentado no Rio

Protótipo desenvolvido por grupo espanhol emite 0% de gás carbônico

A redução da emissão de gás carbônico ao nível zero é o principal benefício do caminhão elétrico

A Secretaria de Transportes do Rio de Janeiro apresentou, nesta quarta-feira (17/10), na
Penha, o projeto do primeiro caminhão elétrico do Brasil. Desenvolvido pelo grupo espanhol Idiada, o protótipo foi trazido para o Rio de Janeiro com apoio do Sindicarga, que planeja a substituição da frota de veículos de carga em operação nas estradas, por modelos movidos a energia elétrica.

De acordo com o secretário de Transportes, Julio Lopes, a redução da emissão de gás carbônico ao nível zero a partir do uso da eletricidade é o principal benefício que o
caminhão elétrico pode garantir à sociedade. Segundo o Sindicarga, os custos com diesel representam 30% dos gastos operacionais das empresas transportadoras, o que poderia ser cortado a partir da substituição da frota por motores elétricos.

O engenheiro americano Klaus Kersting, autor do projeto, ressaltou que o desempenho dos veículos é o mesmo dos movidos a combustíveis fósseis, e que o protótipo elétrico tem autonomia para circular até oito horas sem necessidade de recarga de bateria.

A Finep e o BNDES estão depostos a financiar montadoras interessadas em fabricar em série do primeiro caminhão elétrico do Brasil.

Fonte: O Repórter

4 comentários em “Primeiro caminhão elétrico do Brasil é apresentado no Rio

  • 22/10/2012 em 10:11
    Permalink

    Muito bom! Parabéns a todos os envolvidos.
    WILLIAM RAMOS

    Resposta
  • 26/10/2012 em 18:13
    Permalink

    Parabéns, muito bom! Só uma correção: não é "O" FINEP, é "A" FINEP. Valeu e abs!

    Resposta
  • 27/10/2012 em 19:52
    Permalink

    Excelente !
    Adorei a notícia, só não encontrei mais informações sobre este veículo no site da IDIADA mas é uma boa notícia de qualquer forma.

    Resposta
  • 12/06/2014 em 02:13
    Permalink

    Muito bom…o nosso pais precisa usar caminhoes..carros locomotivas eletricas ..tem que apoiar esses projetos. parabéns

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *