Apresentado oficialmente o BMW 320i ActiveFlex e o elétrico i3

Montadora lança o primeiro veículo do seguimento de luxo com tecnologia flex do mundo

Foto: Márcio Martins

bb_bid = “1623559”;
bb_lang = “pt-BR”;
bb_name = “custom”;
bb_limit = “6”;
bb_format = “bbn”;

A BMW aproveitou o evento da pedra fundamental da fábrica no Brasil e fez o lançamento oficial do novo BMW
320i ActiveFlex que foi mostrado à imprensa e aos convidados presentes. O
modelo é o primeiro veículo premium turbo flex do mundo, que já está
disponível nas concessionárias da marca, desde novembro.

O motor que equipa o veículo, combina as tecnologias BMW TwinPower e BMW
ActiveFlex, com turbo compressor e injeção direta de combustível,
projetado para o uso flexível de etanol e gasolina, especialmente
desenvolvido para o mercado brasileiro.

“Esse ano a tecnologia flex completa 10 anos no Brasil, o que faz de nosso país o líder no uso de
biocombustível no setor automotivo há muitos anos, sendo a segunda nação
do mundo na produção de etanol e o maior fabricante de veículos com
tecnologia flex, que hoje representam 98% do mercado nacional. Com a
introdução do BMW 320i ActiveFlex, o consumidor brasileiro tem o
primeiro modelo no segmento de luxo que permite aproveitar as vantagens
econômicas e sustentáveis do etanol”, comenta Arturo Piñeiro, presidente
e CEO do BMW Group Brasil.

Na parte mecânica o novo 320i ActiveFlex vem equipado com o propulsor de quatro cilindros, 2.0 que
entrega 184 cv de potência entre 5.000 e 6.250 rpm, com 27,53 kgfm de
torque com qualquer combustível. Engenheiros da marca mencionaram
melhora de 38% no consumo geral, mas não deram muitos detalhes de
consumo.

O modelo também é equipado com a transmissão automática de oito velocidades e tração traseira, que o leva da imobilidade aos 100 km/h em 7,3 segundos e a máxima de 235 km/h – o mesmo desempenho do
modelo a gasolina.

BMW i3

BMW i3
Outro carro apresentado durante o evento foi o BMW i3 mostrado pela primeira
vez em setembro, no Salão de Frankfurt. Conhecido anteriormente como o
Megacity Vehicle – seria o primeiro automóvel para áreas urbanas com
propulsão exclusivamente elétrica a ser produzido em série pelo BMW
Group.
Agora o projeto se tornou realidade e já é comercializado em
alguns países do mundo. Sua comercialização esta prevista para o segundo
semestre de 2014, porém a marca informa que não tem planos de
produzi-lo em terras brasileiras.

Chamou a atenção o fato de que o carro foi desenvolvido desde o início para ser um veículo elétrico, isso faz
toda diferença. O BMW i3 possui uma arquitetura LifeDrive, constituída
por duas unidades funcionais separadas. O módulo Life superior consiste
em uma célula de passageiros de alta resistência e extremamente leve,
feita de plástico reforçado com fibras de carbono (CFRP) deixando o
carro muito seguro. Este conceito não só compensa o peso extra da
unidade de bateria, deixando o BMW i3 com apenas 1.195 kg, mas também
baixa o centro de gravidade do automóvel para tornar a sua condução mais
dinâmica.

Já o modulo inferior é construído em alumínio, formado pelo sistema de suspensão, componentes de estrutura e de impacto.

“No interior do veículo são utilizados inclusive materiais reciclados, o que demonstra nossa preocupação com
sustentabilidade, além da mobilidade, sem deixar de lado a tecnologia e
desempenho BMW”, afirma Carlos Cortes, gerente de vendas e marketing
responsável por BMW i no Brasil.

O motor elétrico pesa apenas 50 kg e está acoplado ao eixo traseiro e ao conjunto de transmissão
elétrica que o leva de 0 a 100 km/h em apenas 7,2 segundos e para
retomada de 30 a 70 km/h, são necessários apenas 2,5 segundos.

Segundo dados divulgados pela marca, o
i3 tem uma autonomia entre 130 e 160 km, utilizando a opção ECO PRO e
ECO PRO+, sua autonomia pode ser aumentada em 20 km e 40 km,
respectivamente. Haverá, ainda, a versão com um extensor de autonomia,
que contará com um motor a combustão interna de dois cilindros, 650 cm3 e
34 hp de potência, para gerar energia à bateria. Este sistema vai
elevar a autonomia do BMW i3 para aproximadamente 300 km.

A BMW não divulgou o preço do veículo aqui no Brasil, mas será anunciado assim
que for dado o início de sua comercialização prevista para o segundo
semestre de 2014.

Por: Márcio Martins
Fonte: Campo Grande News

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *