Carro elétrico chinês passa por teste em Paulínia

Carro elétrico chinês BYD E6 em Paulínia.

O modelo E6, carro chinês elétrico, com 300 quilômetros de
autonomia, fabricado pela Byd, foi testado em Paulínia na gravação do
programa Auto Esporte, da Rede Globo, na última semana, no Parque Brasil
500. Também foi discutida a possível implantação de uma unidade da
empresa na região.

De acordo com o produtor do programa, Portuga Tavares, o
município é escolhido para ter cenas gravadas em razão da boa estrutura,
especialmente na região do Paço.

“As avenidas são bem sinalizadas e o pessoal da prefeitura
sempre é muito receptivo. Gravar em Paulínia sempre é um prazer muito
grande”, afirmou.

O diretor de Marketing e de Relações Governamentais da Byd,
Adalberto Maluf, explicou que carros elétricos, em pouco tempo, devem
ser mais uma opção no mercado automobilístico. Ele relatou que entre as
vantagens dos veículos movidos à eletricidade estão a economia em
relação aos carros movidos através de derivados do petróleo, redução da
poluição sonora, já que os carros praticamente não fazem barulho e,
principalmente, a eliminação do lançamento de gases poluentes no meio
ambiente.

“O e6 é o carro mais vendido na China para taxistas e para
organizações que precisam de frotas com alto desempenho. Em razão das
vantagens econômicas, e pela qualidade, tenho certeza que veículos
elétricos caíram no gosto do consumidor brasileiro”, disse.

NEGOCIAÇÃO
O secretário de Governo de Paulínia, Ademir Pereira, testou o
carro e realizou uma reunião de trabalho com Maluf para estreitar
relações com a empresa chinesa. Um dos objetivos da conversa foi
articular uma possível vinda de uma planta da empresa à cidade. Pereira
também se inteirou dos investimentos que Byd tem feito no Brasil. Uma
unidade da empresa no Brasil poderia gerar até dois mil empregos e gerar
mais arrecadação.

“É importante para o governo estar alinhando com novas
tecnologias e viabilizar projetos que beneficiem a população e o meio
ambiente. No teste que fiz fiquei impressionado com a qualidade do
veículo”, afirmou.

Maluf apresentou para Pereira a possibilidade de um ônibus e
um e6 serem emprestados à Prefeitura de Paulínia. O objetivo seria o
governo conhecer veículos que não poluem e que são mais econômicos.

Por: Rodrigo Pereira
Fonte: Todo Dia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *