Fusca 63 foi convertido para motor elétrico nos EUA

Já imaginou poder usar seu carro antigo, todos os dias, sem fazer nenhum barulho no motor ou poluir o meio ambiente com fumaça? Esse sonho já tornou-se realidade na Califórnia, Estados Unidos, no ano passado. Recentemente, em San Diego, Estados Unidos, o publicitário americano David Bernardo chamou a atenção por ser o primeiro a converter o motor de um Fusca de 1963 em elétrico.

Para provar que a conversão realmente funciona, Bernardo convidou Jason Torchinsky, da Web Motors, para realizar um test drive. A ideia começou a ser moldada quando o publicitário largou o emprego na Carolina do Sul e voltou para a Califórnia por sentir-se insatisfeito com a carreira.

Queria, mesmo, poder transformar carros antigos e, foi assim, que o sonho tomou forma e, deu o primeiro passo: mudou o motor de um carro antigo para elétrico. Dessa forma, nasceu a ZelectricBug, empresa do americano. O mecanismo do carro é simples. O americano utilizou baterias de íon de lítio para movê-lo. No total, são 37 baterias, sendo que 12 ficam na frente e 25 na parte de trás do veículo.

O novo Fusca rende, hoje, 80 cv, ou seja, o dobro da potência original do motor 1200, que era de 40 cv. Além disso, a velocidade é de cerca de 130 quilômetros por hora. No entanto, por mais incrível que pareça, por dentro, nada mudou no Fusca. Tudo é exatamente do mesmo jeito. E, para ligá-lo, basta acionar, inclusive, o câmbio original e rodar entre 80 e 100 quilômetros com uma bateria de 8 horas.

O que difere do modelo original é o fato deste não fazer barulho, muito menos fumaça. O carro adaptado é utilizado por David Bernardo diariamente e, é o cartão de visitas da ZelectricBug. Ele não está a a venda, porém, Bernardo pode criar um semelhante por US$ 45 mil, ou seja, cerca de R$ 100 mil reais.

Veja o vídeo feito pela WebMotors:

Fonte: Carro Bonito

veiculoeletrico

Tudo sobre carros elétricos, veículos elétricos, motos elétricas. As últimas novidades do setor.

Um comentário em “Fusca 63 foi convertido para motor elétrico nos EUA

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.