Versão hatch do Toyota Corolla ganha nova geração no Salão de Genebra

Auris, como é chamado, nunca foi vendido no Brasil, mas deve antecipar linhas do próximo sedã. Modelo terá duas versões híbridas e uma a combustão.

A Toyota revelou no Salão de Genebra a terceira geração do Auris. O modelo, que em essência é a versão hatch do Corolla, ganhou visual totalmente renovado, e deve antecipar as linhas do próximo Corolla, que deve ser lançado no ano que vem.

O Auris passa a utilizar a plataforma TNGA, a mesma do Prius e do C-HR. A base é mais versátil, e também será compartilhada com o próximo Corolla.

O desenho do modelo também evoluiu, ganhando mais personalidade do que a geração atual. Os faróis são de LED e ganharam luzes diurnas de rodagem integradas. O formato da peça também está mais ousado, com mais vincos.

Já a grade ganhou muito em volume, e ocupa praticamente toda a largura da dianteira. Visto de perfil, é possível perceber que as janelas ganharam um novo formato, um pouco mais convencional.

As lanternas continuam horizontais, mas seguem o estilo da dianteira, com mais recortes e uma porção mais estreita que invade a tampa do porta-malas.

O Auris ficou mais comprido e mais baixo. São 4,37 metros (4 cm a mais) de comprimento, 2,64 m de entre-eixos, 1,44 m (2,5 cm a menos) de altura e 1,79 m de largura.

Toyota Auris Híbrido
Toyota Auris Híbrido (Foto: Divulgação)

Foco nos híbridos
Além da repaginada no desenho, o Auris é o primeiro modelo da Toyota a fazer parte da nova estratégia para conjuntos mecânicos.

O Auris tem atualmente cinco versões a combustão e uma híbrida. Agora, a oferta será bem mais reduzida. Haverá apenas um motor a combustão, um 1.2 turbo a gasolina.

Por outro lado, serão duas versões híbridas. Uma tradicional, como já existe no Prius, que tem motor 1.8 e potência combinada de 122 cavalos.

A outra é voltada para a condução dinâmica. Trata-se de um novo motor 2.0, que, combinado com o motor elétrico, entrega 180 cv. A marca ainda não deu mais números de desempenho.

[Fonte: Auto Esporte / Foto: Pierre Albouy/Reuters]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.