Mini apresenta scooter elétrica inspirada no estilo retrô de seus carros

Responsável por consagrar a Mini como uma das marcas mais estilosas e descoladas do mercado, a característica linguagem de design de seus carros rompe fronteias ao chegar ao segmento de motocicletas. Prova disso é a apresentação do Mini Scooter E Concept, que estreia como a primeira moto-conceito já desenvolvida pela marca. É munida de atributos como pilotagem divertida, funcionalidade inteligente e inúmeras opções de personalização. As linhas são retrô, para não fugir do DNA da empresa, mas o powertrain é pra lá de futurista: um motor elétrico integrado à roda traseira com baterias de íons de lítio compactas e recarregáveis em qualquer tomada doméstica.

O design remete diretamente ao carros da Mini, com destaque para o grande farol arredondado inspirado no Countryman da primeira geração. Por sua vez, as luzes indicadoras de direção (pisca) remetem à dianteira do Mini clássico, enquanto a abertura da carenagem, situada logo abaixo do emblema, lembra os contornos da grade do radiador hexagonal dos carros da marca. Completam o pacote detalhes de acabamento cromados (incluindo aro de apoio situado atrás do assento e suportes para os pés), espelhos retrovisores com formato arredondado e lanternas verticais montadas sobre a carenagem da roda.

Mini Scooter E Concept
Mini Scooter E Concept

Chama atenção ainda o contraste entre o visual retrô e os aspectos tecnológicos do projeto. O painel, por exemplo, tem formato arredondado e inspirado no design do mostrador circular incorporado ao instrumento central dos veículos da marca, sendo capaz de acomodar um smartphone. Segundo a Mini, ao encaixá-lo no mostrador, o motor é acionado automaticamente e enquanto a motocicleta estiver em movimento, o smartphone pode ser usado como navegador GPS, tocador de música ou telefone, conforme a necessidade do piloto. Uma interface sem fio Bluetooth pode ser conectada a um capacete Mini, que vem equipado com microfone e fones de ouvido.

Dados técnicos não foram divulgados, mas a marca destaca a facilidade na hora de recarregar as baterias. O cabo de carregamento é integrado à parte traseira do scooter e, ao abrir a tampa do compartimento, ela se ilumina e o plugue pode ser puxado para fora até uma distância de 5 metros. Assim que a bateria estiver carregada, um mecanismo acionado por botão recolhe a fiação.

[Via: Motor1.com]

veiculoeletrico

Tudo sobre carros elétricos, veículos elétricos, motos elétricas. As últimas novidades do setor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.