Amazon encomenda 100.000 vans elétricas para Rivian

A gigante do comércio eletrônico Amazon fechou um acordo com a startup Rivian que deverá impulsionar o transporte de encomendas por meio de veículos eletrificados nos EUA. Nada menos que 100.000 vans elétricas serão compradas pela empresa de Jeff Bezos.

Recentemente, a Amazon investiu US$ 700 milhões na Rivian, que é uma startup dedicada inicialmente à produção de picapes e SUVs elétricos, tendo atraído inclusive o interesse da Ford, que também aplicou muito dinheiro. Nesse caso, foram US$ 500 milhões para desenvolvimento de um carro elétrico para o oval azul.

Além disso, a Cox Automotive aplicou mais US$ 350 milhões na Rivian. No caso da Amazon, o pedido será de um produto específico para entregas urbanas do site de comércio eletrônico, cujo protótipo deve ser construído e testado já em 2020, com início da produção em 2021.

Jeff Bezos da Amazon

O programa de fabricação da Rivian para a Amazon vai durar até 2024 nesse lote de 100.000 veículos. Não se sabe se o sucesso do veículo atrairá outras empresas do setor como DHL e Fedex, por exemplo, mas se isso ocorrer, a empresa terá centenas de milhares de encomendas na próxima década.

Reproduções mostram como deverá ser essa van da Rivian para a Amazon, que deve ostentar a marca Prime. Sabe-se que a tecnologia a ser usada será a da plataforma skate, onde a base pode receber diversas carrocerias. Além disso, a empresa tem baterias de lítio com autonomia de 650 km.

Por ser um veículo de entrega urbana, o alcance das baterias deverá ser bem menor que isso, reduzindo assim o custo por unidade. Essa é uma das metas da Rivian para seus produtos, a redução de custo na produção de carros elétricos. A picape R1T e o SUV R1S serão os primeiros modelos próprios da marca, que já faz uma travessia das Américas desde a Terra do Fogo com alguns veículos em teste, a fim de demonstrar a tecnologia.

[Via: Notícias Automotivas]

veiculoeletrico

Tudo sobre carros elétricos, veículos elétricos, motos elétricas. As últimas novidades do setor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.