Conheça a moto elétrica LiveWire One da Harley-Davidson

Recentemente, a Harley-Davidson criou uma marca spin-off para vender suas motos elétricas. Batizada de LiveWire, não por acaso o mesmo nome da primeira moto elétrica da Harley, a marca apresentou hoje uma “nova” moto: a LiveWire One.

Nova entre aspas mesmo, pois trata-se de uma versão atualizada da Harley-Davidson LiveWire que foi lançada em 2019. A diferença é que a One não terá o emblema da Harley e será vendida sob a recém-criada marca de motocicletas elétricas LiveWire.

A grande novidade mesmo fica por conta do preço. Enquanto a Harley LiveWire era vendida por US$ 29.799, cerca de R$ 157 mil, a nova LiveWire One vai custar US$ 21.995, ou seja, R$ 115.600.

Moto elétrica LiveWire One
Moto elétrica LiveWire One

Segundo o presidente e CEO da Harley-Davidson Motor Company, Jochen Zeitz, a decisão de criar uma marca exclusiva para motos elétricas faz parte da estratégia da empresa para os próximos anos.

“Reconhecemos o espírito pioneiro e o valor da marca LiveWire para nossa comunidade e tomamos a decisão de transformar a motocicleta LiveWire original em uma marca elétrica exclusiva. A LiveWire One de hoje se baseia no DNA da Harley-Davidson, mas com o foco elétrico e a ambição da nova marca”, declarou o executivo que reergueu a Puma.

Moto elétrica LiveWire One

Mais de 200 km de autonomia
Apesar do preço menor, o funcionamento e o visual da LiveWire One não traz nada de muito novo. A autonomia da bateria tem um alcance declarado de 235 quilômetros com uma carga no uso urbana.

A bateria pode ser totalmente recarregada em apenas uma hora, mas em uma estação de carregamento rápido. Em tomadas convencionais, de 110V, o tempo sobe para 11 horas.

Moto elétrica LiveWire One
Moto elétrica LiveWire One

A moto elétrica traz ainda modos de pilotagem e diversos sistemas de segurança, como itens de série.

A LiveWire One foi lançada online no site da nova marca e estará à venda em 12 novos revendedores exclusivos. Por enquanto, há lojas na Califórnia, em Nova Iorque e no Texas. De acordo com a empresa, o modelo deve chegar em outros mercados apenas em 2022.

[Por: Arthur Caldeira – Infomoto]

veiculoeletrico

Tudo sobre carros elétricos, veículos elétricos, motos elétricas. As últimas novidades do setor.