JAC terá carro elétrico com mais de 660km de autonomia no Brasil

Em ascensão no Brasil, a JAC Motors agora quer apostar no crescimento do mercado de veículos elétricos e trazer novidades do tipo ao País. Com SUVs, hatch, picape, van e até caminhão que abriram mão dos motores a combustão no catálogo, a montadora chinesa quer entregar em solo nacional, a partir de 2022, um sedã elétrico.

O modelo em questão é o iC5, também vendido na China como Si Hao E50A, porém ainda sem nome definido para o Brasil. O veículo elétrico seria posicionado entre os sedãs médios e grandes por conta do porte, ainda que tecnicamente seja um fastback – o vidro traseiro abre junto com a tampa do porta-malas.

Vale ressaltar que o carro é derivado do J7 (sucessor do J5, que é vendido por aqui) e foi o primeiro automóvel lançado pela JAC após iniciar parceria com a Volkswagen – agora sua proprietária.

Sedã elétrico JAC iC5

Enquanto a versão a combustão tem motor 1.5 turbo de 148 cv e 21,3 kgfm – com possibilidade de ter sistema híbrido leve de 48V, a elétrica possui 193 cv e 34,7 kgfm. De acordo com a fabricante, o sedã vai de 0 a 100 km/h em 7,6 s.

No visual, o que difere ambos é apenas para-choque frontal: o EV troca a grade pelo espaço que dá acesso às tomadas de recarga. Os faróis estreitos não mudam, assim como a traseira, que tem barra iluminada interligando as lanternas nos dois carros.

Sedã elétrico JAC iC5

O iC5 conta no interior com um display em tela vertical que permite acesso às funções do carro, como comando de ar-condicionado, sistemas multimídia e outras funções.

O novo sedã elétrico também conta com um pacote de baterias de 64,5kWh – maior que a de um Chevrolet Bolt (60 kWh), a nível de comparação. A autonomia é de 530 km, em ciclo NEDC, e a JAC garante que o veículo registra um alcance máximo de 660 km, desde que o motorista mantenha os 60 km/h.

Interior dosedã elétrico JAC iC5

As medidas do iC5 chamam bastante atenção, levando em conta que o carro é um sedã. São 4,76 m de comprimento, 1,82 m de largura, 1,49 m de altura e entre-eixos de 2,76 m, dimensões maiores que as de modelos médios semelhantes, como Toyota Corolla e Honda Civic, mas ainda é menor que um Toyota Camry ou Honda Accord. O porta-malas conta com bons 540 litros de capacidade.

Conforme o planejamento original da fabricante chinesa, o sedã estrearia no Brasil em 2021, mas o lançamento ficou para 2022. Na China, os preços do modelo variam entre US$ 23.230 e US$ 27.260, o equivalente a R$ 141.993 na versão mais cara ao câmbio atual. Caso o valor seja mantido, o iC5 será o carro elétrico mais barato do País.

Sedã elétrico JAC iC5

[Via: Olhar Digital]

veiculoeletrico

Tudo sobre carros elétricos, veículos elétricos, motos elétricas. As últimas novidades do setor.